Noticias

| 2016 | 2015 | 2014 | 2013 | 2012 | 2011 | 2010 | 2009 | 2008 | 2007 | 2006 | 2005 | 2004 |

 

1040.jpg

17/10/2007
MICHEL LEME & A FIRMA

Tweet

Quem disse que Samba + Jazz precisa resultar em Bossa Nova?

O novo disco do guitarrista Michel Leme, intitulado “Michel Leme & A Firma” (2007), traz 9 faixas que derrubam grandes paradigmas a respeito da música instrumental, aproximando o som de arranjos complexos aos mais variados paladares musicais.

Como isso é possível? Músicas dançantes, vigorosas, com dinâmicas acentuadas, harmonias riquíssimas, melodias 100% ‘cantáveis’, e muita, muita brasilidade.

O álbum que conta com Thiago Alves no baixo, Cássio Ferreira no sax e Serginho Machado na bateria, foi gravado em apenas 20 horas, ao vivo e sem utilizar recursos tecnológicos para maquiar o som. Ou seja, é um disco livre, muito mais tocado que ensaiado, muito mais sentido que pensado, muito mais vivido que idealizado.

O disco é passível, a grosso modo, de duas leituras: o ouvinte leigo vai gostar por ser dançante e agradável, e o ouvinte técnico vai apreciar arranjos surpreendentes e os diálogos musicais de alto nível. Resumindo: pode ser degustado como um ‘foiegras’ ou devorado como uma feijoada de domingo. Sem indigestão.

Este caráter fica evidente em faixas como ‘Cha-Cha Malícia’ – que combina um tema simples e memorável com solos virtuosos; ‘Relax em Apucarana’ – que traz uma melodia sinuosa no sax soprano combinada com o swing irresistível do baixo; ou em ‘Merengue Maneiro’ – um ritmo merengue cozinhado o tempo todo em fogo alto.

“Michel Leme & A Firma”, o quarto disco independente do guitarrista, é uma obra que instiga as sensações do ouvinte, transitando por diferentes cenários musicais e mantendo a coerência por meio do conceito ‘qualidade’.

Já ouviu a máxima “isso é música para os meus ouvidos”? Ouça Michel Leme.

Ouça agora!

VoltarHome